1. Engravidar
  2. Tentando engravidar
  3. Monitoramento de ovulação

Padrões de verificação de fatos do Flo

Todo o conteúdo do Flo Health segue os padrões editoriais fundamentais de rigor médico, credibilidade dos dados e informações atualizadas. Para entender como asseguramos a credibilidade das informações sobre saúde e estilo de vida, confira os nossos princípios de revisão de conteúdo.

Ciclo anovulatório: sintomas e detecção

Caso esteja tentando engravidar, a anovulação não permite que você tenha dias férteis. Isso é completamente normal, a menos que os sintomas se tornem frequentes. Saiba mais sobre os ciclos anovulatórios no artigo abaixo.

O ciclo anovulatório é um ciclo menstrual caracterizado pela ausência de ovulação. Por esse motivo, não existe a capacidade de engravidar durante esse período. A quantidade de ciclos por ano depende da duração do ciclo menstrual, que normalmente tem de 21 a 35 dias. Uma mulher com um ciclo menstrual regular tem aproximadamente 13 menstruações por ano, sendo algumas anovulatórias. Isso é perfeitamente normal.

Tenha isso em mente na fase de concepção. Um ciclo anovulatório pode ser o motivo para não ocorrer gravidez na primeira tentativa.

Com as alterações hormonais no corpo que indicam a aproximação da menopausa, os ciclos anovulatórios ocorrem com mais frequência.

Se suas menstruações são regulares e você sentir alterações cíclicas no corpo (desconforto ovulatório no baixo-ventre, aumento dos seios com a proximidade da menstruação ou sinais de TPM), é provável que você esteja passando por um ciclo ovulatório.

Você pode verificar isso por conta própria com testes de ovulação e gráficos de temperatura corporal basal.

Existe a hipótese de ciclos anovulatórios no caso de menstruação irregular, se o ciclo menstrual for consideravelmente reduzido (menor que 24 dias) ou prolongado (mais de 35 dias).

Se é comum suas menstruações atrasarem duas semanas e você não conseguir detectar a ovulação com gráficos de temperatura corporal basal e tiras de teste, consulte o seu ginecologista.

Para detectar a ovulação, o ginecologista geralmente solicita uma série de exames de ultrassom.

Isso é feito para confirmar o amadurecimento dos folículos, as características do endométrio, a ovulação e a formação do corpo lúteo.

Geralmente, três ou quatro sessões com um intervalo de dois ou três dias são suficientes para monitorar esses processos.

Você também pode fazer um exame de sangue para verificar os níveis hormonais de acordo com a fase do ciclo menstrual.

Na fase folicular (3.º ao 5.º dia), são medidos os níveis dos hormônios folículo-estimulante (FSH) e luteinizante (LH), da prolactina, dos hormônios da tireoide e do estradiol.

Além disso, em um ciclo menstrual regular, o nível de progesterona é verificado no meio da fase lútea (entre o 20.º e o 23.º dia).

Uma ovulação completa será confirmada se o ultrassom indicar a formação do corpo lúteo e se detectar o pico de progesterona na fase lútea.

Em caso de anovulação ou segunda fase incompleta, o ginecologista pode prescrever um tratamento, dependendo da causa do distúrbio.

O ciclo é chamado de anovulatório quando o folículo não amadurece e o óvulo não é liberado.

Você pode suspeitar da ausência de ovulação se:

  • Suas menstruações forem irregulares e com atrasos de até dez dias ou mais. (Em casos muito raros, ciclos regulares também podem ser anovulatórios).
  • Você tiver ciclos menstruais curtos (menos de 25 dias).
  • Você tiver doenças endócrinas: síndrome do ovário policístico (SOP), prolactina aumentada ou disfunção tireoidiana.

A anovulação também pode ser resultado de estresse, dieta desequilibrada e peso acima ou abaixo do normal.

Existem algumas maneiras naturais para incentivar o seu organismo a ovular:

  • Mude sua alimentação. Tente consumir mais alimentos orgânicos e evite refeições fritas ou com muito açúcar.
  • Abandone os maus hábitos. Se estiver combatendo a anovulação, essa é a melhor hora para você parar de fumar e limitar seu consumo de álcool.
  • Exercite-se regularmente. É frequente o ciclo anovulatório estar relacionado com um peso corporal inadequado. Praticar exercícios diariamente vai ajudar você a manter um peso saudável e aliviar o estresse. 
  • Melhore a duração e a qualidade do seu sono. Use uma máscara de dormir ou compre cortinas escuras, regule a hora de se deitar e acordar, ajuste as condições climáticas e de temperatura do seu quarto. 

https://expectingscience.com/2015/02/27/7-things-to-know-about-fertility-in-your-late-30s/

http://humrep.oxfordjournals.org/content/17/5/1399.full

http://www.healthline.com/health/pregnancy/anovulatory-cycle#3


Leia em seguida